Cedae conclui obras de ampliação no Sistema Imuna-Laranjal

  •  
  •  
  •  
  •  

A Ceade conclui nesta quarta-feira (27/01) a última etapa das obras de interligação da nova adutora de água bruta à elevatória de Imunana, pertencente ao Sistema Imunana-Laranjal.  As obras fazem parte de um conjunto de serviços necessários para aumentar a vazão de produção deste sistema. As intervenções começaram às 5h, quando o sistema começaou a ser retirado de carga, e terá duração de 24 horas, com previsão de conclusão às 5h de quinta-feira (28/01).

Durante a execução dos serviços a operação no sistema Imunana-Laranjal será interrompida, afetando temporariamente o abastecimento nos municípios de Itaboraí e São Gonçalo, além da Ilha de Paquetá e parte de Maricá atendidos pela Cedae. Também será afetado o abastecimento de Niterói, sob responsabilidade de outra concessionária. A companhia montou esquema especial para atender hospitais com carros-pipa durante a paralisação.

O sistema entrará em operação imediatamente após a conclusão dos trabalhos de manutenção, mas o abastecimento em alguns pontos pode levar até 72 horas para normalizar. Por isto, a Cedae pede que os consumidores não desperdicem água neste período, usando a água apenas para usos nobres durante o período.

Esta intervenção é a última do projeto do governo do Estado para aumentar a oferta de água em São Gonçalo, onde já foram investidos valores superiores a R$ 250 milhões em melhorias como a reconstrução dos reservatórios Colubandê e Marques Maneta. Com as obras, o Sistema Imunana-Laranjal, já ampliado em 45%, saiu de uma produção de 4,6 mil litros por segundo para 6,4 mil litros de água por segundo, e alcançará 7 mil litros por segundo com a conclusão do projeto um mês antes do previsto.

You may also like...