Concurso para oficiais da PM tem mais de 8 mil inscritos

  •  
  •  
  •  
  •  



Mais de 8 mil candidatos se inscreveram no concurso para oficiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro que, pela primeira vez, exige a formação superior em Direito. Com 45 vagas para homens e cinco para mulheres, o exame de seleção busca melhorar a prestação de serviços à população ao exigir maior qualificação dos profissionais. O oficial, que tem autoridade de polícia judiciária militar, é aquele que decide, em obediência às normas legais, se a ocorrência é crime ou não e estipula quais providências devem ser tomadas naquela situação.

– Hoje o Direito é a nossa mais importante ferramenta de trabalho. O curso, que antes durava três anos, passa a ter duração menor, de dois anos. Isso faz com que tenhamos mais policiais atuando em menos tempo e com menos gastos públicos – afirmou o comandante da Academia de Polícia Militar Dom João VI, Coronel PM Roberto Vianna.

Resultado será divulgado em abril

As provas objetivas, na primeira fase do concurso, serão aplicadas no dia 29 de janeiro. Haverá também testes de aptidão física, exames psicológicos, de saúde e social, além da avaliação de documentos. O resultado final será no dia 18 de abril.

Os concursados serão contratados pelo regime estatutário. Durante o curso de formação de oficiais, os aprovados receberão remuneração de R$ 2.550. Após conclusão do curso esse valor sobe para R$ 5.321,22, até que se torne 2º tenente, cujo salário é de R$ 6.595,83. As inscrições foram encerradas no dia 15 de janeiro.

O Rio de Janeiro não é o primeiro estado a exigir a formação em Direito. Doze estados brasileiros já fizeram esta transição.

You may also like...