Construção de mergulhão em Niterói será prioridade da nova administração da Ponte

  •  
  • 20
  •  
  •  
    20
    Shares



A primeira grande obra a ser realizada pela nova concessionária que administrará a Ponte Rio-Niterói será a construção do mergulhão da Praça da Renascença, em Niterói. A decisão foi anunciada na tarde desta terça-feira (19.5.2015) durante reunião entre o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, o secretário estadual de Transportes, Carlos, Roberto Osório, e o presidente do grupo EcoRodovias, Marcelino Rafart de Seras.

Além de priorizar a construção do mergulhão, a Ecoponte, subsidiária da EcoRodovias e que será responsável pela concessão, reduzirá, a partir da meia noite do próximo dia 1 de junho, o pedágio na via, passando dos atuais R$ 5,20 para R$ 3,70. Outra medida anunciada foi a integração das câmeras da ponte ao sistema de monitoramento do Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), que será inaugurado pela prefeitura no próximo mês.

“São ações fundamentais e de extrema importância para a melhoria da mobilidade e da qualidade de vida dos niteroienses e moradores de municípios vizinhos. A decisão de priorizar a construção do mergulhão da Praça da Renascença certamente vai acabar com um gargalo no acesso à ponte. E a integração das câmeras será fundamental para ajudar a fiscalizar e prevenir a ocorrência de delitos e crimes de pessoas que entram em Niterói” disse o prefeito, ressaltando que também foi acertada uma parceria da empresa com a Nittrans para atuar na liberação de pistas em casos de acidentes.

De acordo com o prefeito, embora o contrato de concessão preveja a construção do mergulhão esteja prevista apenas para o segundo ano de operação da nova administradora da ponte, a empresa se comprometeu a realizar a intervenção já no primeiro ano do contrato. Rodrigo Neves adiantou que o município já concedeu licença prévia para a construção do mergulhão.

Reunião entre o secretário estadual de Transportes, Carlos Roberto Osório, o vice-prefeito Axel Grael, o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves e o presidente do grupo EcoRodovias, Marcelino Rafart de Seras. Divulgação / Péricles Rodrigues

O secretário estadual de Transportes, Carlos Roberto Osório ressaltou a importância da Ponte Rio-Niterói no cenário metropolitano.

“Ao tratarmos da ponte, estamos tratando da principal artéria da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O funcionamento adequado da ponte é fundamental para os usuários de Niterói e municípios como São Gonçalo, Maricá, Itaboraí e outros. O governador nos instruiu a dar prioridade máxima a a uma agenda de desenvolvimento operacional e de investimentos da via”, disse Osório, revelando que outra importante obra viária, a duplicação da Avenida do Contorno, deverá ser inaugurada até junho:

“Niterói está recebendo boas notícias nestes dias. Além da nova concessão, teremos redução significativa da tarifa de pedágio e a inauguração da Aveni9da do Contorno para junho.”

Presidente do grupo EcoRodovias, Marcelino de Seras ressaltou a importância das parcerias público-privadas.

“A parceria é uma mostra de que é possível a iniciativa privada assumir serviços e prestá-los com qualidade para o público.

A nova concessão da Ponte, de 30 anos, deverá realizar investimentos de aproximadamente R$ 3,3 bilhões.

You may also like...