França, Bélgica, Croácia e Inglaterra voltam à semifinal, após 2006, 86, 98 e 90

  •  
  • 4
  •  
  •  
  •  
    4
    Shares

França e Bélgica de um lado. Croácia e Inglaterra, no outro. Essas são as semifinais da Copa 2018. Cada uma das citadas seleções carregava um jejum em comum que acabou nos últimos dois dias.

Campeões mundiais em uma única oportunidade, os franceses chegaram entre os quatro melhores pela última vez em 2006, na Alemanha. Passaram por Portugal, de Felipão e Cristiano Ronaldo, com gol de pênalti de Zidane. Na final, entretanto, perderam o título, nas penalidades, para a Itália.

Já os belgas, responsáveis pela eliminação do Brasil, quase alcançaram o pódio em 1986. De lá para cá, nunca mais sobreviveram por tanto tempo neste tipo de competição. Curioso que naquele ano, no México, eles não ficaram em terceiro porque saíram derrotados na decisão do bronze para a própria França.

Logo na sua primeira aparição, a Croácia foi até a semifinal. Isso aconteceu em 1998, ano da solitária conquista dos azuis, que sediaram o torneio e bateram a Seleção Brasileira, por 3 a 0, na finalíssima. O time quadriculado caiu justamente para os anfitriões, diferentemente desta vez, em que bateram os russos. Na partida que valia medalha, triunfaram sobre a Holanda. Depois disso, não passou da fase de grupos em 2002, 2006 e 2014. Na África do Sul, 2010, sequer esteve.

Por fim, a campeã de 1966 voltou ao penúltimo passo rumo à glória só na Itália, em 1990. Porém, parou nos pênaltis para a Alemanha Ocidental, que levou o caneco na sequência. Os ingleses ainda viram os italianos fazerem 2 a 1 na disputa do terceiro lugar.

Agora, os quatro buscam duas vagas no jogo da taça. Na próxima terça-feira (10), às 15h (de Brasília), tem França e Bélgica. No mesmo horário do dia seguinte é a vez de Croácia e Inglaterra. Ao menos, todos eles já podem dizer que voltaram à semifinal.

You may also like...