Helil Cardozo participa da inauguração da estação de tratamento de chorume

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Prefeito Helil Cardozo (D) cumprimenta um dos responsáveis pela parceria Estre-Foxwater-RJ - Foto Edmilson DomingosO prefeito de Itaboraí, Helil Cardozo, participou da inauguração da estação de tratamento de chorume do Centro de Tratamento de Resíduos (CTR) da cidade, que passa a ser a primeira do estado a contar com a tecnologia 100% nacional, capaz de tratar de forma ambientalmente correta o líquido proveniente da decomposição de resíduos sólidos provenientes do lixo. A ação é uma parceria da Estre Ambiental, responsável pelo CTR, com a empresa de tratamento de efluentes Foxwater-RJ.

Com capacidade inicial para tratar 4500m³/mês, Itaboraí passa a ser a terceira cidade brasileira com tratamento exclusivo para chorume, permitindo que todo o líquido oriundo do lixo, depois de tratado, seja 100% reutilizado pelo CTR Itaboraí na umidificação das vias internas do aterro sanitário.

Outra vantagem será a redução dos custos e impactos ambientais relacionados ao transporte do chorume para unidades de tratamento externas. Cerca de 70 viagens de carretas tanque deixarão de ser realizadas por mês, o que contribui para diminuir a emissão de CO², gás causador do efeito estufa, bem como redução no tráfego viário.

“Quero parabenizar a Estre e a Foxwater pela parceria, que traz mais qualidade de vida à nossa população, e reforça o pioneirismo de Itaboraí também nesse setor”, disse o prefeito.

Para o gerente de operações da Estre, Carlos Spillmann, a estação de tratamento de chorume do CTR Itaboraí inaugura uma nova etapa no tratamento de resíduos sólidos.

“Essa parceria com a Foxwater nos permite um ganho ambiental enorme, com implantação de uma tecnologia 100% nacional, além de nos adequarmos cada vez mais ao que exige a legislação”, afirma Spillmann.
O Centro de Gerenciamento de Resíduos Itaboraí recebe cerca de 1 mil toneladas de resíduos por dia dos municípios de Itaboraí, Maricá, Tanguá, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu e Rio Bonito, além dos resíduos do Comperj, e de outros grandes geradores.

Também estiveram presentes ao evento a secretária municipal de Meio Ambiente e Urbanismo de Itaboraí, Andreia Légora, o secretário municipal de Obras, Mário Sérgio, e o vereador Deoclécio Machado.

You may also like...