Itaboraí monta plano de contingência contra chuvas fortes

Itaboraí monta plano de contingência contra chuvas fortes

Itaboraí monta plano de contingência contra chuvas fortes

Com a previsão de chuvas fortes para esta quinta (05) e sexta-feira (06) em todo Estado do Rio de Janeiro, a Prefeitura de Itaboraí montou esquema especial de atendimento à população.

A Secretaria Municipal de Saúde organizou uma força-tarefa com representantes das subsecretarias de Vigilância em Saúde e de Atenção Básica; Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU); Hospital Municipal Desembargador Leal Junior; Assistência Farmacêutica; Imunização; Central Municipal de Regulação em Saúde; e Laboratório Municipal de Saúde Pública que ficarão de prontidão com o objetivo de prestar atendimento imediato a possíveis vítimas das chuvas na cidade e minimizar os impactos que podem ser provocados no caso da ocorrência de temporais.

Chamado de Comitê Operativo Emergencial, os membros têm a missão de realizar ações de saúde em casos de enfrentamento de desastres, de acordo com as diretrizes do Plano de Contingência elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde. Todos estarão a postos para atender com mais agilidade comunidades que possam ser atingidas pelas chuvas.

As famílias que moram em áreas consideradas de risco na cidade estão sendo monitoradas, tanto pela Defesa Civil, quanto por equipes de plantão da Secretaria de Saúde.

A equipe também irá trabalhar na prevenção de doenças como leptospirose, diarreia, hepatite A, dengue, gastroenterite e tétano – comuns após a ocorrência de enchentes. Veículos da Secretaria de Saúde e ambulâncias também estarão a postos. A orientação da equipe médica é para que as pessoas que tenham contato com água da chuva e apresentem sintomas como febre alta, dores musculares e feridas no corpo procurem a unidade de saúde mais próxima para serem avaliadas.

Segurança e Defesa Civil

O secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Civil, Rodrigo Barreto, informa que, em caso de tempestade, moradores de áreas de risco devem deixar suas residências e buscar abrigo em local seguro. A Secretaria de Educação e Cultura disponibilizou as escolas municipais para receberem possíveis desabrigados, que devem se dirigir à unidade mais próxima.

O prefeito Helil Cardozo determinou a todos os secretários municipais que permaneçam de prontidão. Em caso de emergência, a população deve acionar a Defesa Civil pelo telefone199 ou o Corpo de Bombeiros, pelo 193.

You may also like...