Prefeito anuncia cortes de 20% nas despesas da Prefeitura de São Gonçalo

  •  
  •  
  •  
  •  

neiltonPrefeito de São Gonçalo, Neilton Mulim, publicará até a próxima semana o decreto que determina o corte de gastos e custeio da administração. O corte de 20% de custeio e pessoal deve gerar economia de aproximadamente R$ 50 milhões ao ano.

A determinação visa preparar as contas públicas em função da queda de arrecadação de ICMS e royalties de petróleo este ano, já anunciados pelos governos estadual e federal. O governo estadual determinou cortes em contratos e custeio, assim como a redução nas gratificações.

O governo federal também impôs novas regras para garantir economia nos gastos com despesas de custeio para manutenção da máquina pública, como luz, água e telefonia, e também anunciou corte nos investimentos.

Em São Gonçalo serão reduzidos em 20% o valor dos contratos administrativos. Outra determinação é de redução de até 20% dos cargos em comissão, no entanto, os serviços estão garantidos. “Não haverá perda na qualidade dos serviços prestados. Iremos determinar que os secretários realizem os cortes com pessoal e mantenha a eficiência da máquina pública. Precisamos nos adequar à nova realidade do país”, disse o prefeito.

As medidas foram iniciadas no mês passado com a publicação da Lei 624/2014, que extinguiu alguns cargos da administração direta. “As alterações fazem parte da reestruturação da máquina administrativa, mas não significam o fim das atividades que foram absorvidas por outras pastas já existentes”, finalizou o prefeito.

You may also like...