Prefeito de Itaboraí permanece no cargo até decisão do TSE

  •  
  •  
  •  
  •  



O prefeito de Itaboraí, Helil Cardoso (PMDB), irá permanecer no cargo até o julgamento do recurso especial pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.

Foi o que decidiu, na noite desta sexta-feira (17), o presidente do TRE-RJ, desembargador Edson Vasconcelos, ao julgar ação cautelar com pedido de suspensão dos efeitos do acórdão da Corte Eleitoral fluminense que cassou o prefeito por abuso de poder político e econômico. Para o presidente, “a prudência aconselha que se preserve a soberania popular” até a decisão da Corte Superior.

Nas eleições de 2012, no domingo da votação, mais de 50 mil eleitores receberam ligações telefônicas com a falsa informação de que a candidatura de Sérgio Soares (PP) havia sido “impugnada” pela Justiça Eleitoral e que os votos dele seriam anulados.

De acordo com a decisão do Colegiado do TRE-RJ, houve influência direta do serviço de telefonemas no resultado da eleição, em favor da candidatura de Helil Cardoso.

You may also like...