Rio inicia contagem regressiva para as Olimpíadas 2016

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em cerimônia que marcou o início da contagem regressiva de um ano para os Jogos Olímpicos de 2016, nesta quarta-feira (05/08), no Rio de Janeiro, a presidente Dilma Rousseff destacou o caráter único da cidade que se prepara para sediar as competições, que vão reunir 15 mil atletas de 206 países e 7,5 milhões de ingressos colocados à disposição do público.

– O Brasil se tornará o primeiro país da América do Sul a sediar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Nos próximos meses, os eventos teste nos permitirão ajustar todos os detalhes. Os governos federal, estadual e a prefeitura, em estreita colaboração com o Comitê Organizador dos jogos Olímpicos, constroem as condições para estarmos à altura do desafio que assumimos em 2009. Todos que virão contarão com equipamentos esportivos adequados, infraestrutura urbana, segurança pública e a reconhecida hospitalidade brasileira. Será a melhor festa que o esporte mundial já viveu – disse Dilma.

O evento contou ainda com as presenças do prefeito Eduardo Paes, do secretário de Estado da Casa Civil, Leonardo Espíndola, representando o governador Luiz Fernando Pezão, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, e o presidente do Comitê Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Para o presidente do COI, Thomas Bach, esses Jogos Olímpicos terão a cara do Brasil.

– Daqui a um ano, o Rio de Janeiro será o centro do universo por duas semanas. Esses serão os Jogos Olímpicos do Brasil e estamos confiantes de que serão maravilhosos e motivo de orgulho para os brasileiros. O sucesso também será medido pelos benefícios para a cidade. Deixarão legado para a cidade com um transporte de alta capacidade. Será o maior legado desde os jogos olímpicos de Barcelona em 1992. O Rio e o Brasil estarão prontos para fazer história – afirmou Bach.

Presidente do Comitê Rio 2016, Nuzman ressaltou que os Jogos Olímpicos transformarão a cidade.

– Vamos entregar os Jogos Olímpicos corretamente e da forma que nos comprometemos durante a candidatura: jogos espetaculares, de transformação, de celebração e com o apoio de todos, festejando Rio 2016 – explicou Nuzman.

You may also like...