São Gonçalo abre as portas do 1º Centro Municipal de Imagens

O secretário de Estado de Saúde, Luís Antônio de Souza Teixeira Junior, veio conhecer o 1º Centro de Diagnóstico por Imagem de São Gonçalo, inaugurado na noite desta sexta-feira (13) pelo prefeito Neilton Mulim. O secretário elogiou a atuação do prefeito na área da saúde, que nos últimos meses vem ampliado a rede de atenção básica e de urgência e emergência com novos serviços e projetos.

Centro de Imagem1“Neste momento, em que o Estado passa por uma grave crise financeira, é muito gratificante ver São Gonçalo ampliando sua rede de atendimento com um equipamento de saúde grandioso. O prefeito Neilton Mulim está de parabéns”, garantiu o secretário Luiz Antônio.

Ao lado do secretário municipal de Saúde, Dimas Gadelha, dos deputados estaduais Nivaldo Mulim, Tânia Rodrigues e Sadinoel, da secretária de Integração com a Região Metropolitana da Prefeitura do Rio, Graça Matos, secretários municipais de saúde dos municípios vizinhos, vereadores e lideranças políticas e comunitárias da cidade, o prefeito Neilton Mulim enumerou uma série de ações realizadas na área da saúde e anunciou a inauguração da 1º UPA Municipal para o mês de junho.

“Temos investido pesado na rede de saúde da cidade. Inauguramos vários serviços, ampliamos diversos projetos e programas e vamos continuar fazendo muito mais. Nosso objetivo é garantir à população um atendimento digno, rápido e humanizado. No próximo mês estaremos abrindo as portas da 1º UPA Municipal, no bairro Pacheco, e em seguida, a UPA de Nova Cidade. Estas unidades irão ajudar a desafogar os nossos prontos socorros, que hoje atendem acima da sua capacidade”, antecipou o prefeito.

centro de imagem2Localizado no bairro do Zé Garoto, em um amplo prédio de dois andares, o primeiro Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem do Estado conta com modernos equipamentos de ressonância magnética, densitometria óssea, mamografia, endoscopia, colonoscopia e exames de ultrassom. A unidade também contará, por determinação do prefeito Neilton Mulim, com tomografia computadorizada e raio x digital.

O Centro Municipal por Diagnóstico de Imagens terá capacidade de fazer até cinco mil exames por mês. Todos os equipamentos são de última geração, como o aparelho de ressonância magnética.

“A nossa rede de saúde está sendo descentralizada, ganhando novos equipamentos e serviços e, principalmente, sendo humanizada. A criação do Centro de Diagnóstico por Imagens faz parte do nosso plano de trabalho e irá diminuir o tempo de espera do paciente que necessita de um laudo para começar seu tratamento”, explicou o prefeito.

You may also like...