Trânsito intenso na saída para o feriadão

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Quem decidiu viajar no feriado da Semana Santa encontrou trânsito intenso nas principais vias de saída da cidade de Niterói. Somado ao tempo chuvoso, o fluxo ficou comprometido na nos dois sentidos Alameda São Boaventura e nas RJs 106 e 104, no sentido Região dos Lagos.

Na Ponte Rio-Niterói e na BR-101, o panorama não foi diferente. O motorista precisou ter paciência para chegar ao destino desejado.

A concessionária Ecoponte prevê que cerca de 653 mil veículos cruzarão a Ponte, nos dois sentidos, desta quinta-feira (13) a segunda-feira (17), durante o feriado da Semana Santa. Em direção a Niterói e as cidades da Região dos Lagos, a expectativa é que o dia de maior movimento seja a quinta, com a passagem de 87 mil veículos. Para a volta, domingo e segunda serão os dias com maior movimento, com 166 mil carros em direção ao Rio.

A Ecoponte recomenda que, antes de pegar a estrada, os motoristas verifiquem as condições gerais do veículo, como a calibragem dos pneus, os níveis de água, óleo do motor e o de combustível. Os motoristas devem manter a distância de segurança com o veículo à frente, obedecer à sinalização e o limite de velocidade da Ponte Rio-Niterói (80 km/h).

PRF – A Polícia Rodoviária Federal (PRF) começa nesta quinta-feira (13) a Operação Semana Santa com reforço do policiamento nas rodovias federais do Rio de Janeiro. As ações do Órgão terão início às 00h da quinta-feira (13) e vão até às 23h59 de domingo (16). Durante este período, policiais rodoviários federais reforçarão a fiscalização nos trechos com maiores índices de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do Órgão. Na mesma operação, em 2016, a PRF registrou uma redução de 67% no índice de óbitos em acidentes em rodovias federais do Estado, em relação ao mesmo período em 2015.

A operação visa, além da diminuição do número e letalidade dos acidentes, garantir segurança e fluidez do trânsito aos usuários das rodovias federais e contará com atividades para diminuir a incidência de acidentes relacionados ao excesso de velocidade, à alcoolemia ao volante, ao uso inadequado do cinto de segurança e às ultrapassagens indevidas. Também serão realizadas ações operacionais direcionadas para o combate à criminalidade.

Fiscalização

 Durante os quatro dias de operação, a PRF fará fiscalizações de motocicletas, com foco nas infrações que potencializam a ocorrência de acidentes e sua gravidade como uso e regularidade do capacete, equipamentos obrigatórios, sistema de iluminação e habilitação.
Policiais rodoviários federais também reforçarão as fiscalizações de ultrapassagens forçadas ou proibidas, além de conferir se os motoristas estão utilizando o cinto de segurança e os dispositivos adequados para o transporte seguro de crianças.

Restrição de tráfego

 A PRF restringiu o tráfego de alguns tipos de combinações de veículos, em razão da segurança para os demais veículos em momentos de ultrapassagens, já que, dificultam estas manobras. Assim, o tráfego de Combinações de Veículos de Cargas (CVC), portadores de Autorização Especial de Trânsito (AET), de Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), portando ou não a AET, bem como o trânsito dos demais veículos portadores de AET será restrito nos trechos de pista simples em determinados dias e horários.
No Rio de Janeiro, haverá reforço do policiamento nos trechos com maior movimento, como as rodovias Niterói-Manilha (BR-101), Rio-Santos (BR-101) e Ponte Rio-Niterói (BR-101). Além dessas, a Presidente Dutra (BR-116), Washington Luiz (BR-040), Rio-Teresópolis (BR-116), rodovia Lúcio Meira (BR-393), a BR-101 Norte (Campos-Macaé) e a BR-356 também terão ações de policiamento preventivo para redução dos acidentes.

You may also like...

1 Response

  1. Camila Abreu 🙄🙄🙄

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *