São Gonçalo prepara programação especial para o Dia de Finados

  •  
  •  
  •  
  •  
Programação especial para o Dia de Finados

Programação especial para o Dia de Finados (Foto: Douglas Macedo)

Os quatros cemitérios públicos de São Gonçalo contarão com um esquema especial nesse feriado de dia de finados (02/11) para a população que pretende ir aos cemitérios homenagear entes e amigos que faleceram. A expectativa é de que 30 mil pessoas passem pelos cemitérios do município. São eles: São Gonçalo, Ipiíba, São Miguel e Pacheco. Está prevista a celebração de missas durante todo o dia. além de ações de segurança, guarda municipal e saúde que enviará para cada um dos cemitérios uma equipe de enfermagem com ambulância.

O horário de funcionamento dos cemitérios será de 8h às 17h. Cerca de 60 funcionários trabalharam na operação para o dia de finados, onde foram realizadas podas de árvores, limpeza e pintura de sepulturas.

Por mês, cerca de 300 pessoas são sepultadas no município, que possui cerca de 25 mil sepulturas, divididas entre os cemitérios municipais. No Cemitério de São Miguel, estão cerca de 10 mil, no cemitério de São Gonçalo estão cerca de 8 mil túmulos, em Pacheco 4 mil e outros 3 mil em Ipíiba.

Para o superintendente de Administração Funerária e Cemitérios, Ronaldo Barcelos, a população deve evitar trazer flores naturais, plantas em vaso com água e principalmente não acender velas em lugares que não são permitidos. Além disso ele ressaltou que o objetivo dessa gestão é o acolhimento das pessoas.

“Mudar o acolhimento é o objetivo principal dessa gestão. Queremos proporcionar conforto e tranquilidade aos familiares que vão vir visitar os túmulos de seus entes queridos e amigos. Sabemos que a perda é um momento muito doloroso”, disse Ronaldo.

Quem tiver dificuldade para localizar o túmulo deve se dirigir à administração local e informar o nome completo e a data do falecimento, para que se possa localizar a sepultura. Vale ressaltar que caso aconteça qualquer imprevisto dentro dos cemitérios municipais a pessoa deve se dirigir até a administração local e realizar um registro de ocorrência na ata do cemitério em questão.

You may also like...