Prefeitura lança a campanha “Niterói, todos contra a dengue”

  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: luciana Carneiro

Foto: luciana Carneiro

O Vital Brazil será o primeiro bairro da cidade a receber o mutirão da campanha “Niterói: Todos juntos contra a dengue”, lançada na tarde desta segunda-feira (3.11) pelo prefeito Rodrigo Neves.

Os mutirões, que serão realizados todos os sábados em locais apontados pelo Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa) como áreas de maior infestação do mosquito, têm o objetivo de intensificar as ações de combate e prevenção à doença, e envolverá as secretarias municipais de Conservação e Serviços Públicos, de Educação, Ciência e Tecnologia, de Ordem Pública, da Companhia de Limpeza Urbana de Niterói (Clin), sob a coordenação da Secretaria de Saúde.

Rodrigo Neves destacou que o planejamento é fundamental para evitar surtos da doença, que vem se mantendo sob controle e com baixos índices este ano. “Isso é fruto do trabalho desenvolvido desde o ano passado, quando herdamos uma situação dramática. Nossas ações nos permitiram enfrentar a dengue em 2013 sem um único óbito. Precisamos manter esse trabalho”, disse Neves, referindo-se à epidemia de dengue em janeiro de 2013.

No ano passado, a atual gestão se planejou com antecedência e colocou em prática um plano de prevenção e controle da dengue no verão de 2014. “Graças ao planejamento de ações estratégicas envolvendo os diversos setores da prefeitura, o número de casos caiu de 12 mil em 2013 para 322 no período de janeiro a setembro deste ano. Não tivemos epidemia em 2014. Esse é um resultado muito bom, por isso peço empenho de todos para o novo plano que estamos lançando hoje para a prevenção e o controle da dengue no nosso município”, afirmou Neves.

Entre as ações da campanha, estão a realização de ações educativas, através de palestras e atividades em escolas, orientando pais e alunos a como se prevenir e combater a doença, uma parceria da Fundação Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Educação.

O Departamento de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses fará reforço dos mutirões intersetoriais, reunindo agentes de endemias que fazem a visitação em residências, prevenindo e combatendo possíveis focos do mosquito da dengue.

Além disso, os seis comitês regionais vinculados às policlínicas regionais de Itaipu, do Largo da Batalha, Sérgio Arouca, Guilherme March, da Engenhoca e Carlos Antônio da Silva identificarão, em suas regiões, problemas de foco de dengue e mobilizarão agentes de saúde e uma equipe da Clin para fazer o combate e controle da doença. 

Os mutirões também serão realizados em bairros como Engenho do Mato, Jurujuba, Fonseca, Grota, entre outros.

A secretária municipal de Saúde, Solange de Oliveira, que apresentou o plano de contingência no auditório da prefeitura para representantes das secretarias envolvidas, falou sobre a importância do plano de contingência lançado nesta segunda-feira (03).

“O maior objetivo deste plano é evitar óbitos pela doença. A dengue hoje é uma doença de característica endêmica, temos casos durante todo o ano, mas estamos conseguindo manter esses casos em níveis aceitáveis. Isso depende principalmente do controle do vetor, quando nós conseguimos controlar a proliferação do mosquito, conseguimos também evitar aumento do número de casos. A redução do número de casos é resultado de muito trabalho, de planejamento e esforço conjunto”, disse Solange.

You may also like...